Um reencontro emocionante longe de casa.

Um conto erótico de Karen Julia
Categoria: Heterossexual
Data: 13/05/2019 18:55:06
Última revisão: 20/05/2019 20:31:43
Nota 10.00

Belo Horizonte, fevereiro de 2016. Papo com contornos de seriedade e preocupação entre duas amigas.

- Karen, você vai ser encontrar com aquele casadinho outra vez?

- Com certeza, amiga; não sei explicar, mas ele mexeu de uma maneira impressionante comigo...

- Eu acho que isso não vai prestar. Desde que te conheço nunca a vi se envolver afetivamente com alguém; como você foi se apaixonar por um cara que mora longe e comprometido? Não dá pra te entender...

De uma certa forma a Sabrina tinha razão. Eu e ela somos amigas desde a adolescência, temos a mesma idade (na época com 36 anos) e aprontávamos muito! Com o passar do tempo a situação mudou: Minha amiga atualmente está namorando um primo meu (hoje estão casados) e eu me sentindo atraída por um homem na época comprometido e residente no estado vizinho; apesar destes empecilhos resolvi encarar a arriscada empreitada.

Liguei para o Samir avisando que iria ao seu encontro... desembarquei na quarta-feira de cinzas no Aeroporto de Vitória por volta das 08h30min; mal cheguei no saguão ele me aguardava com um buquê de rosas vermelhas e sorriso encantador... imediatamente corri ao seu encontro e o abracei fortemente. Como fez da última vez em que nos vimos (ver o conto “Saudades dos velhos tempos”) ele começou a cantarolar no meu ouvido versos de uma das músicas do Roupa Nova, intitulada “Anjo”; foi demais para mim e comecei a chorar, para a perplexidade de um Samir que, não entendendo nada me perguntou o que eu tinha e eu disse que era saudade de vê-lo e enfim fomos para um dos hotéis situados na orla da capital capixaba.

- Você me surpreendeu desta vez, meu lindo. Eu nunca imaginei ser recebida aqui com direito a flores, amei demais!

- Tu mereces mais que isso, meu anjo; mais linda do que o nosso encontro anterior.

- Muito obrigada, percebo que você continua o mesmo homem gentil e agora mostra declaradamente o estilo romântico que carrega consigo; cantando "Anjo" no meu ouvido mexeu demais com a minha sensibilidade.

Dentre os diversos assuntos conversados Samir me disse que depois de nosso primeiro encontro teve outras escapadas (como se não soubesse); encarei com naturalidade e relatei resumidamente a transa com meus irmãos, tornando a conversa excitante para o momento. Tomei a iniciativa sentando em seu colo e de frente para ele, encarando-o. Samir acariciando os meus cabelos e envolvidos em abraços e carícias começamos a nos beijar... os nossos lábios se encontraram parecendo um só; se antes eu estava fragilizada, agora me sentia protegida em seus braços, coisa que eu ansiava ardentemente.

Ficamos por um bom tempo nos beijando até que ele me fez deitar no sofá, vindo por cima dando leves mordidas em meu pescoço enquanto com as mãos alisando o meu corpo... Abriu os botões de minha blusa e meteu a mão por dentro do sutiã apalpando suavemente as minhas fartas mamas, arrancando-me gemidos de prazer; Samir as libertou, mamando feito bezerro... Em determinado momento parava as mamadas vindo me beijar e com a outra mão por baixo de minha saia encontrando a calcinha extremamente molhada, afastando-a de lado e brincando com a minha buceta; apertando o grelinho e penetrando um, dois dedos na minha racha deixando-me maluca, quase subindo pelas paredes... Enfim, ao terminar de me despir ele caiu de boca entre minhas pernas dizendo que agora a sua língua vai "trabalhar".

Amo ser chupada e Samir sabe disso. Movimentos circulares, de cima para baixo e vice-versa, a língua trabalhando freneticamente; cruzei as pernas em volta de sua cabeça puxando-o para dentro de mim; não resisti à surra de língua e acabei gozando em sua boca... Ele se sentou e de joelhos passei a mamar o seu cacete, indo da cabeça até a base, parando por um instante nas bolas e depois continuando a chupar e enfim deixando-o em ponto de bala.

Coloquei a camisinha no seu pau e fui por cima descendo devagar e antes de encostar no batente subi para continuar o processo; Samir continuou mamando os meus seios, apertando a minha bunda e com o dedo médio alisando o meu cuzinho, que absorveu o toque permitindo a penetração me deixando mais excitada e comecei a pular na sua pica, deixando o meu fofinho maluco.

Invertemos posições sem deixar cair a intensidade da transa. Tesuda como estava, dei-lhe uma surra de buceta deixando-o maravilhado; enquanto era comida, estiquei uma das mãos até minha bolsa de onde tirei um frasco de lubrificante, entregando a um Samir atônito e ao mesmo tempo feliz com o meu pedido manhoso para preparar o meu cuzinho, pois desejava ser possuída por trás.

Fiquei de quatro no sofá e ele caiu de língua no meu cu, lambendo, beijando e sugando feito aspirador... uma delícia ser chupada atrás e arrepiada com a sua desenvoltura oral, fazendo o meu cu piscar de tesão e implorando por rola. Ele fez menção de trocar a camisinha mas pedi para meter sem, queria sentir na pele. O safadinho derramou o lubrificante no meu rego e penetrou um, dois e até um terceiro dedo achou espaço para massagear meu buraquinho que, mesmo habituado a levar pica fica apertadinho. Lambuzou a vara e se posicionou atrás de mim e aos poucos foi enterrando, sentia meu esfíncter abrindo e dando passagem para seu caralho, ele com muito carinho enterrou repetidas vezes no meu rabinho me fazendo delirar de prazer.

Ele se deitou e pediu para eu ir por cima. Subi em cima dele, ajeitei seu pau, fui rebolando aos poucos, sua glande foi se acomodando, com as mãos alisava meu quadril, meu ânus engoliu a cabeça de seu pau, deitei meu corpo sobre o dele e procurei sua boca, beijava-o apaixonadamente com a cabeça de seu pênis enterrada em meu rabo, só rebolava em sua pica, ele com suas mãos macias agora alisava as minhas costas e me beijava muito gostoso, sentia seus pentelhos esfregarem em minha bucetinha, aquilo excitava-me mais ainda, os minutos foram passando e meu calor cada vez maior, meu corpo queimava, fui sentindo meu cuzinho castigado por aquela vara inchada, meu cu dilatando e engolindo ele por completo, estiquei minha perna para trás e fiquei totalmente deitada sobre ele, daí comecei a rebolar freneticamente, meu tesão aumentava cada vez mais ouvindo seus gemidos, estava dando prazer aquele homem e senti lá no fundo de meu cuzinho algo que se acendeu dentro de mim, alcançando meu primeiro orgasmo anal do dia, em seguida fui inundada por seu esperma, continuei rebolando até que ele soltasse a última gotinha, fiquei engatada nele descansando depois daquela foda alucinante, nossa respiração muito acelerada, estávamos exaustos, tomamos uma ducha juntos e pedi algo para comermos.

No horário da tarde Samir me levou a um shopping da capital e, entre alguns goles de cerveja na praça de alimentação ele lamentou não ter se encontrado comigo na última vez que estive na cidade a negócios em setembro do ano anterior pois estava de plantão no seu trabalho e que agora pôde me ver pelo fato de a esposa ter viajado com a filha para a casa de parentes. Eu compreendi perfeitamente a posição dele e voltamos ao hotel, onde na suíte voltamos à carga e transamos loucamente até ao cair da noite; dormimos agarradinhos e na quinta fomos à praia e retornamos no fim da tarde... tivemos mais uma noite alucinante de sexo e amor, onde prazer e satisfação deram as cartas; enfim, quando acordei na sexta pela manhã não o encontrei ao meu lado na cama... olhei no meu celular uma mensagem dele recém-chegada no WhatsApp com os seguintes dizeres:

- "Minha doce Karen, bom dia. Agora estou em meu local de trabalho para o meu plantão. Espero que esteja tudo bem contigo neste momento; amei ter passado esses dias com você, foram excitantes e uma mulher formidável como você é o sonho de consumo de todo homem que se preze, não só na intimidade como também na inteireza de seu caráter... Vou sentir saudades no seu retorno para Belo Horizonte e por isso te desejo uma ótima viagem e num futuro vindouro voltaremos a nos encontrar. Beijos do seu fofinho.".

Eu não consegui segurar as minhas lágrimas que teimavam em descer pela face, emocionada com as palavras do Samir... assim como um sentimento de vazio momentâneo devido à sua ausência, já que foi trabalhar; porém, feliz e satisfeita por reencontrá-lo e termos passado grandes momentos juntos com muita entrega e ternura. Volto para casa realizada e com a auto-estima elevada.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
19/05/2019 03:29:41
Delicia, amiga. A vantagem de ir ao encontro de um amante é que só eles podem transar com tanto desejo e intensidade. Haja visto que são momentos ocasionais e devem ser aproveitados ao máximo. Além disso, com muita dose de romantismo, como é teu caso. No aguardo de novas histórias. Beijos.
18/05/2019 17:16:27
Mais um bom relato, Karen. Dá para sentir a paixão que você nutre pelo Samir. Especialmente depois dessas transas de tirar o fôlego, para aproveitar bem cada momento que estão juntos. Beijos da Vanessa.
17/05/2019 09:15:15
O engraçado é que eu nem imaginava ir parar na sua cidade meses depois deste encontro delicioso, pra você ver como as coisas mudam na nossa vida... não vou adiantar nada porque a senhorita obviamente vai relatar como aconteceu e os desdobramentos destes fatos. Beijos.
14/05/2019 23:26:51
Que sortudo o Samir!Em parte sorte, em parte mérito por ter conseguido te cativar....Que casal sensacional vcs formaram!
13/05/2019 21:48:42
Karen, mais um conto delicioso! Bjs
13/05/2019 19:21:42
Me vi na pele de Karen hummmm.

Online porn video at mobile phone


titia gostosa peituda bate punheta enquanto o sobrinho novo lhe aperta as mamas peitudas gostosa novinha virgem orgasminhofilhas ve paes trazando e entra na putariamunher midino o pou do negaucontos erotico entre pai e filhaviva.video.mijonasEGUA FUDENDO COM HOMEM GOZANDO E ABRINDO A BUCETA E RINXANDOnovınha transando com ırmaoconto eroticos lésbico putinha vadia vagabunda piranha fuder tapa na cara buceta xoxotamenina da gengiva inchada gozando muito no pau do negãozelador comeu minha mulher nA minha frentePrimeira vez q dei o cu vestido de travestcorno quecomedocontos de zoofilia com porcoNao endureseu o pau no xvidio.comnergão da rola de jeque comendo velhaconto gay ele se revoltou e tomou todasdei viagra p meu vo olha no que deuve porno co ome cumeno amante e a filha da amanteconto erotico funk peladarabaonegroconto erotico emprestei dinheiro a nora e ela pagou com a bucetacotos eroticos piralha virgemtio da achupeta sobrinho rolarconto gay garotinho da igrejaporno para deixar aqecidarnovos contos eroticos com casais no cinema pornocontos ajudando minha mae peituda na faxinamenina fudedo de xortiu de dormicontos eroticos aventuras com minha namoradaXVídeos queimadinha feira do Sol e tirando a roupa na praiacoesa a loura rabudaeu e minha patroa praticamos zoofiliameu sogro e seu irmao me funderam juntos contos eroticosxxvideo asistir homem corendo a cabessa na buceta da mulhernovinha aser estuprada com padrasto aser disvirginado encuanto dormegritaram como ei gostosa e assobiaram yahoozd xvideo pau geande socando forte na coroa loira a forçacomendo a pretinha que tiha ido mija menino virando meninacom salto conto eroticoconto sexo cheirando tenis do molequeorra meu quero baixar vídeo de pornô de mulher dormindoMENiNO TIRAN DO OCHORTESxisvido mai di bikiniconto erotico viado novinho arrombado por dois coroas dominadoresas cunhanda dodo pro cunhandoconto erotico gay cunhadosfui comer e fui comidocabeção cantando xeretandohttp://muher bunda grande fiudentau na praia gostosacasa do contos erotico evangelica negracontos eiroticos leilapornwww.xxvideo mae cuzuda calvolgando empinadabroxou pegarao sua mulher panteras x videoscontos eroticos ele esfolou meu rabinhoporno doidsexo com encanadora nora de São Paulo dentro da buceta fazendo zuadaquero ver um filme pornô com anão com a patroa dele debaixo da saia dela e o cara cheio charuto no c* delefodendo velha viúva a força contos eróticoscontos eróticos vovôzinho gay idoso fudendo chupando o pintinho do Netinhocontos eroticos safados de professoras madurashttp://comendo a conhada virgempornodoido mae vagabunda balansando a bunda no pau do filhosaudades faze sexo com a minhia esposasogra faminta por sexoxvodeo fudendo morenas celadas de 4pornodoido calcinha fio dental sozinha na camagosto muito de praticar zoofiliagenicologista abrindo abuceta ate o limitiporno vui da naxana vui cu ala ficou bravaxvideo frestinhocontos eroticos perdi meus 2 cabaçoes com meu irmao mais velhopegueij minha mae transando com meu namoradot xvideoXVídeos pornô mãe f****** com filho dos filhos f****** com mulher ingrataconto erotico de neto vai morar com a vovó e mete nelarelatos minha esposa chegou toda chupadaem casaxvideos putaria hd agaxadas sem calsinha provocando gozo do marido broxagordas de foi dentaucontos de travesti depiladoramulhe de saia curta esfregano ante fude emcoxano na cozia no xvidiocontos eróticos pique escondecuzinho mulher no comando rebola analContos coloquei um shortinho d menina e acabei estupradocontos comi dona maria casadaConto erotico peituda amamentandovideos d sexo tia provocando sobrinho até ele ñ aguentar e meter firme nela até gozar dentro da buceta delacristina loirinha sem juizoVampiros-Casa Dos Contos zdorovsreda.runovinha bem safadaxvipornô doido chupando os mamilos da Dalvinhaxvideo hetero esperimentamdo pauXVídeos novinho Cabocla tocando p******** da mulher segurando ela gosta de