ONDE SE GANHA O PÃO COME SE CARNE SIM !!

Um conto erótico de ATALAIA NEGRO
Categoria: Homossexual
Data: 04/12/2014 12:18:48
Nota 10.00

Aqui no Carianos, um bairro de Florianópolis, existe uma padaria que é ponto de referência e nela trabalhavam meu tio e um rapaz chamado Emersil, ambos por coincidência são da cidade de Xaxim no oeste de Santa Catarina. Trabalhei lá há 3 anos e na ocasião tinha 23 anos, foi meu terceiro emprego e morava na Costeira do Pirajubaé, era ajudante de padeiro, mas acabava fazendo outras coisas. Por vezes dormíamos no estabelecimento para adiantar algumas coisas em determinadas épocas do ano, na verdade a equipe do forno éramos só nós três mesmo. Meu tio um cara de de 42 anos, bonito, loiro, de cabelos curtos, frequentador de academia, chamava muito a atenção e muito atencioso com nós dois principalmente com o rapaz, era seu conterrâneo e eu por ser sobrinho e o com nenhuma experiência na área. Emersil era moreno, meio bobão, gostava de trabalhar sem camisa, de short e falava muita idiotice, tinha uma namorada no bairro mesmo, um rapaz de olhos claros, de barba bem feita ( conseguiu trabalhar assim porque trabalhava há dois anos na padaria e era muito bom ), usava óculos, corpo normal, uma boca bem feita e parecia que ela pedia sexo a toda hora, nem usava cueca e a bunda parecia um bolo de noiva de tão redonda, máscula e pequena, umas pernas deliciosas de pessoa sem carro, ou seja, andava muito a pé e/ou corria para pegar ônibus kkkk, devia ter um 1m78, eu era meio apaixonado por ele, eu um rapaz ruivo de muitas sardas pelo corpo, estudante de Engenharia na UFSC, meio magro e tímido, eu me masturbava muitas vezes na semana pensando em várias pessoas.

Quando comecei a trabalhar na padaria meu tio achou melhor eu ficar com o Emersil pois os dois da mesma idade e o rapaz já dominava algumas coisas da panificação e nesta parte ele era muito profissional, porém eu comecei a nutrir uma vontade de comer o meu instrutor, no entanto segurava o desejo e nem conversávamos sobre mulher, namorada, esposa ou afins, ele falava da vontade de fazer um curso técnico e eu do meu e às vezes eu acabava levando coisas da faculdade para resolver lá e em algumas ocasiões ele se sentava ao meu lado e sem querer roçava as pernas nas minhas e acabava aproximando o rosto do meu e aquela mistura de odor me excitava bastante e numa dessas vezes e em que meu tio não foi eu acabei tirando um sarrinho, não sei se ele notou.

Nesta ocasião dormimos na padaria e fazia muito calor tanto fora como dentro devido aos fornos, ele e eu sem camisa, ele com uma calça leve e sem cueca, não agüentei e quando senti que ele dormia profundamente apertei o pau dele e puxei um pouco a calça. Gente, um pau lindíssimo pulou e meio duro, reto, de poucas veias, cheiroso, de uns 16 cm, aproveitei e desci o dedinho pelo cu, e foi aí que ele deu uma mexida, eu me assustei e recuei e para minha alegria ele disse: Cara, dá uma chupada, preciso trepar e sei que ficará entre nós dois! Disse que faria se ele fizesse o mesmo e deixasse chupar seu cu de macho, ele disse que chuparia o meu pau, o cu não, pensei: isso é bom, muito bom, assim que eu gosto kkk!!!

Acabamos ficando nus e lhe disse que já sentia um tesão por ele há algum tempo, mas um tesão para dar uma pirocada naquela bunda, senti que ele deu uma roçada no meu pau, pois ele estava de costas para mim e eu beijava seu pescoço e costas e sentia que ele estava também cheio de tesão e já gemia, meu pau devia ter o mesmo tamanho, eu virei o cara e beijei muito aquela boca e começamos a agir como namorados, mordisquei aqueles mamilos de padeiro gostoso, fui descendo e segurei as pernas do xaxinense e meti a língua no cu do meu colega de trabalho, ele empurrava minha cabeça e no delírio o mancebo pede: enfia esta rola logo, Mortelço, vamos queimar a porra desta rosca !! E nós demos uma risada, encapei minha rola de fogo e enfiei devagar queria curtir o momento não sei se teria outra vez, bombei bastante e disse que estava sendo muito prazeroso e que gozasse dentro do seu cu, com isso meu tesão aumentou e em 3 minutos despejei o recheio do sonho, tirei a camisinha e mostrei o tanto que havia gozado. Detei-me do seu lado e perguntei se estava tudo bem, ele disse que sim, o problema que queria mais naquela noite, fomos adiantar as coisas e demos outra desta vez ele se sentou na rola como quem já tinha hábito e me disse que sentia que iria ficar viciado naquela porra de dar cu, beijamo-nos muito, de maneira bem apaixonada, chupei o seu pau e perguntei se ele queria me comer e para meu alívio e alegria disse que não sentia vontade.Depois daquele dia qdo havia oportunidade dávamos umas, sempre na padaria, mas sem contato na hora do trabalho ou quando havia alguém, sem viadagem e agir de maneira diferente. Até que um diano mês de abril não me lembro do que houve, mas a padaria recebeu bastantes encomendas e tínhamos que acelerar a produção de algumas coisas, numa noite meio fria meu tio disse que ia dormir em casa e como eu já estava craque em algumas coisas e etapas disse que não haveria problema em nos deixar sozinhos. Depois de uns 45 minutos que o irmão da minha mãe saiu e com o serviço bem adiantado, começamos a nos beijar e ficamos nus e de uma maneira louca trepamos naquela noite ( há duas semanas sem nada!) e no auge da transa sentimos a presença do tio e claro que nos pegou, o Emersil enfiado entre as minhas pernas e eu dedando aquele buraquinho que já era meu há quase 3 meses, ele só se aproximou de mim e me mandou chupar aquela rola loira e grossa de 16 cm, depois de uns 5 minutos ele puxou o outro e ficamos nós três nos beijando e roçando os paus até que ele perguntou quem daria o cu, o conterrâneo dele disse que o dele já tinha dono, então disse que o alugaria aquela noite ao meu tio, ele gemeu bastante e apertava os mamilos se retorcendo de tesão, foi então que dei meu pau para ele mamar e meu tio e eu gozamos quase ao mesmo tempo, pela primeira vez gozei na boca do putão e ele gostou muito, depois da transa vieram as perguntas da parte do meu tio só dissemos há quanto tempo trepávamos e que eu era o único homem da vida dele.

Meu tio quis transar com ele sem mim, mas Emersil não aceitou, acabei saindo da padaria e entrei num estágio, meu moreninho ficou ainda dois meses porque sua mulher estava grávida, transamos mais umas cinco vezes e a coisa esfriou, eu fui viver minha vida e comer outros cus, pensei em até trabalhar num açougue kkkkkk.

Visita meu blog e deixa teu (s) comentário (s): http://homoprazer.blogspot.com.br/, grato.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
26/12/2014 09:10:10
Bom!!!
04/12/2014 18:42:42
continue.

Online porn video at mobile phone


SEDUZI MEU GENRO PARA FODER+CONTOSpau de 22cm entrando devagar na bucetinha da novinhabundinhameteconto erotico crente rabuda abusada borracheiro novinho de curitiba gosando na cara no xisvidioeu ti aguarrei novinha pede pabucetad gtandes de velhmulheres experimentando as calcinhas em lojas em biombospornodoido tecnico esfola novinhaContos eroticos a neta da vizinhanovinha dando o cu e a buceta e convesando com voz de tesaoxvideolindas nalvinhas 1000fotoscontos eroticos casada deu pr o marido e o filho dls tbmcontos eroticos esposa gosta do vizinho tromba de elefante ,dotadaocontos eróticos fui corno e escutei tudo atrás da paredecontos eiroticos leilapornvidos pra abaca irmao e irmanovia trazado e gozado dento delatexto jibi mae filho fodeu bucetaViadinho Aieee Contos Eroticosxvideo pausada nu cu da chifeiracomeu a madrasta brasileira Zinha gostosinhoRemedio caseiro tirar mancha verilha butetaConto no interior vi mamae pelada ela disse vou te capa cacetudovideo sexo de perveção com minha mãeler contos eróticos de crente fazendo sexo anal e peidandopsicologia enfrento hiv minha filha e guei ajudaContos picantes ainda virgem fui abusada por um entregador velhoporno gay derramou agua na calçayaho tias vocês ja imaginario trasando com sobrinhoscontos eroticos EroJonnycontos eróticos grátis de meninas mimadaConto erotico andei mancando depois do negaocontos eroticos vi meu irmão pelado pela brecha da porta e fiquei esxitada e passei a provoca eleassistir o filme de novinha metendo fazendo seu peito e trícepsContos eroticos de sexo com genroFilme porno pai fudend a filh bem gostoso e gozand na bubutxxcidio tirado sua virgidade de sua namorada pra baixaConto erotico velho taradoContos amigo do futebolfui amarrada por um cara e forçada virgem a da pra varios cachorros conto eroticovideo esposa chama amante roludo pra acalmalaquero ver dois pauzudo de 90cm pegando uma casada e fazendo ela gritar e gemerFidendo com aspermas abettacomo fazer alguem te pedir dxclpa a distanciacontos de filhas enrrabadas pelos pais de pénis grandes e grossosporno coroa sendo desrespeita por novinho e leva ferro na buceta e porraas praguinha nuas motra a buceta lindamulher dá o c* e chupa pica Malcomeu padrasto me vigiava tomar banho um dia ele comeu meu cucarota catarinese gemendo na boca da sua amigaPrima bisexual menage contos eroticose possível ter.orgasmo quando estiver engatado com cachorrotarado nuonibuxvıdıo ruıvaxvideo.puta.seducido.casa.gravado.ao vivotomei viagra e istrupei minha amigaFungada no cangote xnxxtextos mulheres e meninas. viadinho estrupadas dulpa penetracao gozada boquinhagravida com a buceta gosmentaconto erotico em que um demente e dois caes fuderam minha esposa xvideosconto gay internatoquero ver um pauzudo de 70cm pegando uma casada e fazendo ela gritar e gemer e gozando pelas pernasconto erotico decasais chupando pau maior 30cmcache:rw4Jl7xcm9QJ:https://zdorovsreda.ru/tema/pezinho conto erodico arombei minha vovo zinhaexistem homem com penis mais de 40cmúltimos contos eróticos gayFelipe e Guilherme- Amor em Londredcontos eroticos dupla penetracao filhazelador comeu minha mulher nA minha frenteas lesbicas maus fogozar do mesmo mundo fazendo sexy com cachorro ate ficar encantadoex cunhado cacetudoxvideos disfarssando bundaWESLLEYWEST-CASA DOS CONTOS EROTICOS |zdorovsreda.ruConto gay com coroa